Uma solução que aumenta a satisfação dos funcionários e traz desafios para a área de TI. O BYOD significa Bring Your Own Device (traga seu próprio dispositivo, em português) e tem sido cada vez mais comum em empresas de todos os portes e setores. Ele foi criado para aumentar a flexibilidade, a simplicidade e a interatividade dos profissionais, permitindo que utilizem seus aparelhos para acessarem as informações da empresa.

Em um mundo onde os trabalhadores possuem smartphones e tablets, fazer uso dos dispositivos pessoais para acessar as informações do trabalho se tornou normal. Porém, é preciso que a gestão da empresa fique atenta para evitar problemas de invasão, perda de dados ou mesmo de produtividade. Conheça alguns benefícios e riscos do BYOD e saiba o que considerar na hora de aplicar o conceito na sua companhia.

 

Benefícios do BYOD

• O funcionário pode utilizar o equipamento que mais se adequa ao seu perfil. Isso pode gerar maior produtividade, uma vez que ele estará mais habituado e dominará o funcionamento do dispositivo.

• Muitas vezes, os dispositivos utilizados pelos funcionários são melhores que os oferecidos pela empresa. Portanto, a companhia se beneficia de equipamentos de última geração sem precisar investir um alto valor.

• Os funcionários terão acesso à rede da empresa onde quer que estejam, evitando que trabalhos não sejam concluídos por estarem em um ambiente externo.

• Muitos trabalhadores se sentem mais satisfeitos por terem a liberdade de escolher em qual dispositivo vão trabalhar. A satisfação gera benefícios para o trabalho exercido.

 

Riscos a serem considerados

• Os funcionários podem reivindicar o pagamento de horas extras, já que o equipamento fica conectado 24 horas por dia.

• A segurança da informação pode ser colocada em risco pela falta de um antivírus ou pelo acesso indevido ao dispositivo. Aparelhos móveis tendem a ser menos seguros e podem conter aplicativos ou programas que roubam dados.

• É necessário controlar o uso de softwares falsificados pelos funcionários. Todos os programas que vêm de fontes não seguras podem colocar em risco o aparelho.

• Falhas nas políticas de segurança e privacidade podem colocar em risco as informações estratégicas da empresa. Será preciso um esforço maior da área de Tecnologia da Informação para conseguir proteger os dados e restringir o acesso à rede corporativa.

• A produtividade pode ser prejudicada caso os funcionários não controlem o tempo que dedicam às redes sociais e outros sites que não estão relacionados ao trabalho.

 

BYOD no cenário atual

De acordo com a pesquisa Building Digital Organizations, cloud computing e mobilidade representaram 100% do crescimento dos gastos com TI em 2015. O mesmo estudo, no entanto, percebeu a tendência de as empresas americanas reduzirem o BYOD, alegando necessidade de aprimoramento tecnológico, de centralizar o controle da segurança e a despreocupação dos usuários com segurança.

Os fatores alegados pelas empresas que responderam à pesquisa exigem atenção das companhias que estão analisando o assunto. Com a mobilidade tão necessária, é preciso mapear os desafios e saber como responder a eles, inclusive com regras formais para este fim.

Existem três possibilidades de BYOD nas empresas:

  • Aquele em que os funcionários podem utilizar qualquer dispositivo para realizar suas atividades
  • O modelo em que a empresa limita o BYOD para alguns trabalhadores
  • Empresas que proíbem o acesso de dispositivos externos às suas redes

 

Sua empresa já aplica o conceito de BYOD ou está em busca de uma política de segurança que proteja os dados de forma mais eficiente? Existem soluções no mercado que podem atender às suas necessidades. Fale com os nossos especialistas da Any Consulting para mais informações.

[contact-form-7 id=”2143″ title=”Fale com os especialistas Any Consulting!”]

Autor

Saulo Costa
Saulo Costa
Possui 9 anos de experiência em telecomunicações e infraestrutura de TI. Atua na elaboração de projetos para organizações governamentais e privadas. Possui as certificações profissionais CCNA R&S + Avaya ACSS + MCP + ITIL.