O funcionamento de uma empresa é repleto de processos e dinâmicas que, muitas vezes, afastam a energia disponível do que é mais importante. Para chegar às mãos dos clientes, os produtos e os serviços de qualquer ramo passam por uma série de procedimentos e etapas que podem gerar gargalos na fluidez do trabalho. No caso da TI, duas instâncias geralmente separadas (o Desenvolvimento e as Operações) podem trabalhar juntas para melhorar os resultados. Vamos saber mais sobre DevOps?

 

DevOps: integração para bons resultados

As distâncias e problemas de comunicação entre os setores de Desenvolvimento e Operações das empresas de TI são alguns dos principais focos de entraves na eficiência desse tipo de companhia. Em uma arquitetura corporativa tradicional, nem sempre o Desenvolvimento está focado nas limitações e demandas do usuário final, assim como, por outro lado, pode faltar uma apropriação mais aprofundada das Operações na hora de resolver problemas complexos relacionados às soluções da empresa.

A organização em DevOps permite aproximar esses dois núcleos do trabalho. O foco é tornar mais simples os processos, integrando os profissionais e equipes para reduzir o tempo de resposta ao cliente e melhorar a qualidade do que é entregue. Trata-se de uma mudança muito mais comportamental, voltada para a sintonia entre Desenvolvimento e Operação, do que técnica.

 

União faz a força

DevOps permite que, desde o momento inicial, as soluções considerem as necessidades dos usuários finais, assim como uma maior disponibilidade de suporte rápido para falhas complexas de sistemas em operação. O funcionamento dinâmico permite reduzir o tempo gasto em repasses internos ou esperas desnecessárias.

O fluxo de trabalho fica mais simples, as respostas mais velozes e os profissionais conseguem se entender melhor. Mundos que parecem muito distantes, mas que se complementam. Todo mundo sai ganhando quando se investe nesse tipo de mudança na cultural corporativa.

Automação de processos

Uma das contribuições mais interessantes que surgem da mudança para estruturas DevOps é automação de vários processos internos. Ao integrar a equipe de Desenvolvimento às demandas de Operações, a expertise desses funcionários é confrontada à demanda diária e repetitiva de Operações. Assim, soluções internas podem ser criadas de acordo com a necessidade da empresa, poupando trabalho e tempo de todos.

Na outra ponta, a equipe de Operações traz uma visão mais dinâmica ao Desenvolvimento resultando em atualizações mais eficientes e pontuais. Ao invés de ser necessário uma reprogramação longa, quando se consegue premeditar demandas que surgirão no final é possível adaptar o desenvolvimento e, mais uma vez, poupar tempo na cadeia geral de produção.

Controle, confiança e qualidade

Com o sistema de governança DevOps, a dinamicidade do time permite a manutenção mais controlada, com emissão e documentação de relatórios de controle em diferentes níveis de detalhamento. Isso representa maior carga horária disponível para testes de qualidade, incrementando a confiabilidade e segurança das soluções.

O desenvolvedor passa a ter uma ideia mais prática da aplicação que está criando e a equipe de infraestrutura percebe melhor as potencialidades e limitações da programação.

Caminho das pedras

Para implementar uma cultura empresarial DevOps três visadas são fundamentais: processos, pessoas e ferramentas. Pensando na integração entre Desenvolvimento e Operações é preciso identificar as proximidade de processos, as pessoas com qualificações necessárias e as ferramentas que podem ser integradas. Então, desenvolve-se um piloto. Um determinado serviço ou produto rodado nesse novo framework. Só depois de mensurar os primeiros resultados, avalia-se a extensão da mudança.

Como você pode perceber, o DevOps é um método de trabalho que permite extrair o melhor das equipes de Desenvolvimento e Operações direcionando o foco para o melhor atendimento dos clientes. Como esse tipo de formatação se aplicaria em sua empresa? Compartilhe conosco suas dúvidas, experiências e sugestões nos comentários.

Aproveite e saiba o que é Transformação Digital e porque você deve investir nela para que sua empresa sobreviva e cresça na nova economia.